Você já sabe o que é WordPress? E como ele funciona. Se não sabe, então te convido a ler esse artigo até o final, pois vai ser sobre isso que eu vou falar!

Quando se fala em criar um blog, logo já vem em mente a palavra WordPress.

Hoje, estima-se que mais de 40% dos sites e blogs da internet são feitos em WordPress.

Então, para simplificar a melhor forma para se construir um site hoje em dia é através do WordPress.

Pois você não precisa entender nada de programação, qualquer pessoa que não tenha conhecimento em programação hoje é capaz de criar um site em WordPress.

 

O que é o WordPress?

o que é a plataforma wordpress

O WordPress é hoje a principal plataforma para a construção de blogs, sites, e-commerces, portais.

O WordPress é um CMS (Content Management system) sistema de gestão de conteúdo.

O principal fato dessa plataforma ser tão popular é que ela é open-source, ou seja, de código aberto.

Pois é muito simples de mexer e fazer modificações, aqui esta o motivo do tamanho dessa popularidade.

O fato de ter seu código aberto, permitindo que qualquer pessoa ou empresa fizesse uso sem nenhum custo, contou muito para a popularização.

 

Como funciona o WordPress?

O WordPress disponibiliza hoje duas funções para os seus usuários: A plataforma WordPress.org e a WordPress.com.

A plataforma WordPress.com oferece um serviço gratuito de hospedagem de sites e blogs com o uso do software do WordPress.

Já o WordPress.org é uma plataforma de código aberto, onde você pode baixar o software no site oficial e instalar em um servidor de hospedagem de sua escolha.

Para usar essa plataforma gratuita, você terá que registrar um domínio e contratar uma hospedagem, assunto que irei abordar mais para a frente.

Não vou entrar em detalhes aqui sobre quais as diferenças de ambas as versões, pois logo estarei falando esses tópicos.

Porém, mencionei agora para deixar ciente da existência dessas duas formas que poderá utilizar o WordPress.

As duas versões compartilham um sistema muito semelhante. O software apresenta uma interface muito amigável de gerenciamento do seu site.

Entre as principais funções eu destaco:

◊  Inserir e editar posts para o seu blog, como se estivesse escrevendo num editor de texto, como o word, por exemplo.

◊  Inserir e editar mídias, como, imagens, áudio, vídeo…

◊  Criar e editar páginas.

◊  Criar menus.

◊  Criar categorias e tags.

◊  Moderar comentários.

◊  Personalização do blog.

◊  Adicionar plugins e temas.

E muito mais…

 

Quais são vantagens em usar o WordPress?

vantagens do wordpress

Você deve estar se perguntando agora, mas quais são as vantagens em usar o WordPress?

O WordPress é o sistema mais usado no planeta quando o assunto é criação de sites, então você não deve perder essa oportunidade.

Selecionei aqui 7 vantagens que o WordPress vai te proporcionar na hora de criar seus sites.

Mesmo se você não tem um site e está estudando a possibilidade em criar um, você deve usar esse sistema.

 

1 – Instalação fácil

Uma grande vantagem para os usuários dessa plataforma é a simplicidade na hora de instalar o software dentro da sua hospedagem.

Não precisa ter conhecimento em programação ou qualquer outro tipo de código.

A instalação leva em torno de 5 minutos para ser concluída, um ótimo diferencial em relação aos concorrentes.

O WordPress prega muito pela facilidade e rapidez, você irá se surpreender.

 

2 – Uso intuitivo

Você não precisa dominar linguagens de programação, aqui você não precisa se preocupar com nada disso.

A utilização do sistema é muito simples, na hora de editar um artigo por exemplo, você pode definir o tamanho da fonte, justificar um parágrafo, inserir imagens ou vídeos, através de botões do editor do artigo.

Quem trabalha com programação sabe que uma das formas mais simples de códigos que existe é o HTML.

Mas nem se preocupe, você nem precisa entender o que é isso, porque nem irá precisar utilizar em seu site.

A grande maioria das funcionalidades do WordPress está acessível a alguns cliques, não tendo necessidade de um monte de linhas de códigos.

 

3 – Troca de templates sem alterar o conteúdo

Outro ponto muito interessante é a simplicidade que você pode alterar um template para outro em seu blog, sem prejudicar o conteúdo que já foi publicado.

Eu por exemplo, uso dois temas em meus blogs, o Wolf WP e o Avenger, e de tempos em tempo eu alterno entre eles sem prejudicar o visual do meu blog.

Mesmo que seu blog já tenha centenas de conteúdo publicado, mudança pode ser feita sem que ocorra perda de conteúdo.

A única coisa que muda é a forma em que o conteúdo vai ser apresentado para a sua audiência.

 

4 – Possibilidade em usar plugins e extensões

O objetivo principal dos plugins é agregar novas funcionalidades ao site, tanto para os usuários ou para o próprio administrador.

Por exemplo, existem plugins para melhorar o SEO do site, criar galerias de imagens, melhorar o desempenho.

Resumindo, os plugins vão deixar o seu site mais turbinado.

A maioria desses plugins são totalmente gratuitos, claro se você quiser algo mais avançado terá que optar por aqueles com planos pago.

 

5 – Utilização em dispositivos móveis

Como você já sabe, a grande maioria das pessoas está conectado o tempo todo através de seus celulares.

E pensando nisso, a plataforma também disponibilizou o acesso a ferramenta através de dispositivos moveis.

Dessa maneira, você com seu celular poderá gerenciar o seu site da palma da sua mão de qualquer lugar.

O interessante é que os dois funcionam tanto para o WordPress.org quanto no WordPress.com.

 

6 -Sistema de código aberto

Essa é uma outra grande vantagem, que merece destaque.

O fato que o código fonte desse sistema é aberto permite que qualquer um possa editar, personalizar e aprimorar, temas e plugins.

Por ele ser um sistema de código aberto, ficou conhecido como open-source?

A tradução desse sistema para o idioma português foi uma grande conquista para a comunidade de desenvolvedores aqui do Brasil do WordPress.

Muitas funcionalidades que o WordPress possui hoje, deve a iniciativas dos usuários dessa plataforma.

Logico, que para fazer essas personalizações você deve dominar a programação, ou então contratar um profissional para isso.

O fato é, com seu sistema open-source, e uma comunidade ativa, o WordPress continuará evoluindo muito.

Em muitos casos, isso é muito melhor do que ter um sistema próprio que tenha que contar com uma equipe de suporte, por conta do custo operacional.

 

7 – Atualizações constantes

A quantidade de atualizações dessa plataforma se deve a participação ativa da comunidade de desenvolvedores do sistema.

Desde a versão 0.70 até a 5.8.1, já foram mais de 95 atualizações que melhoraram o sistema em usabilidade e segurança.

E mais de 35 versões do próprio sistema já foram lançadas, o WordPress está em constante melhoria.

Detalhe importante, as atualizações podem ser feitas em seu site tanto manual quanto automáticas.

 

Qual a diferença entre WordPress.org e WordPress.com?

versões do wordpress

Agora vamos entender a diferença de cada uma dessas versões? Esse ponto acaba confundindo muita gente

No início provavelmente, você até ficou meio confuso sabendo da existência das duas versões do sistema.

Mas abordarei o que cada uma faz e você pode escolher aquela que faz mais sentido para o seu negócio.

 

WordPress.org

O WordPress.org é o site comunitário, nele você pode fazer o download do sistema e do seu código aberto e instalar no seu servidor de hospedagem.

Portanto, para você poder usar esse sistema você precisa ter um domínio registrado e ter contratado um serviço de hospedagem.

Por se tratar de um sistema de código aberto, você tem total acesso a edições e customizações à sua maneira.

Ainda, você tem liberdade de utilizar todos os plugins disponíveis, idiomas, temas e vários outros recursos sem nenhum tipo de restrições.

 

WordPress.com

O WordPress.com é, portanto, um serviço de hospedagem de sites que já contém seu software WordPress instalado.

Aqui você não precisa pagar uma hospedagem e nem o domínio para ter seu site no ar.

Basta fazer seu cadastro gratuitamente para ter seu domínio meusite.wordpress.com gratuitamente.

Mas porém, se optar por ter um domínio personalizado e mais recursos, então você poderá adquirir o plano pago que eles oferecem.

Se optar pelo plano gratuito, você irá encontrar essas limitações:

⇒ Não pode usar um tema personalizado, apenas o que eles disponibilizam.

⇒ Serão exibidos anúncios do WordPress em seu site, esses anúncios são para arcar os custos dos serviços que são disponibilizados de graça.

⇒ Slogan do WordPress no rodapé do seu blog ou site.

⇒ Espaço limitado de armazenamento nos planos gratuito.

⇒ Personalização limitada do seu site.

 

Qual é o melhor modelo?

Isso vai depender do seu modelo de negócio?

Se o seu projeto for mais robusto e com bastante personalização, então necessitará do WorPress.org.

Pela possibilidade de personalização que você pode fazer em seu projeto, já que seu código fonte é aberto.

Portanto, vale lembrar que será necessário o investimento de domínio e hospedagem na escolha desse CMS.

Por outro lado, se você quer um projeto mais pessoal que não exija muitos recursos e não deseja obter monetização, o WordPress.com pode ser a escolha mais adequada.

Essa versão é indicada para um blog básico, sem muitos recursos.

 

Como começar?

Como são duas versões do WordPress, então há dois caminhos para se começar, explicarei cada um deles a seguir.

 

Como ter seu site ou blog no WordPress.com?

O processo para criar a sua conta no WordPress.com é muito simples. Vou criar uma conta teste aqui para te mostrar o passo a passo.

 

Passo 1

Primeiro acesse o site WordPress.com e clique crie o seu site.

cadastro no wordpress

 

Passo 2

Insira os dados que é solicitado como e-mail, nome de usuário e senha e depois clique no botão criar conta.

Lembrando que é possível também criar sua conta através do login da sua conta Google ou Apple.

cadastro no wordpress

 

Passo 3

Escolha um nome de domínio para o seu site. Depois de definido basta clicar na opção selecionar.

escolha do domínio

Na opção filtrar é possível escolher a extensão do seu domínio, dentre elas;

.blog

.com

.net

.org

.club

Nesse exemplo eu vou escolher a opção gratuita, já que não irei ocupar esse domínio.

 

Passo 4

Aqui nessa etapa você deve selecionar o seu plano, no nosso exemplo vou prossegui com o plano gratuito.

plano de hospedagem

 

Passo 5

Escolha um tema para o seu site, nesse passo você pode pular se desejar e definir depois seu tema.

Além da opção de escolher uma tela em branco.

escolha do designer

 

Passo 6

Nessa tela você deve fazer algumas configurações no seu site como:

⇒  Nome do seu site.

⇒  Descrição do seu site

⇒  Idioma.

⇒  Fuso horário.

⇒  Créditos de rodapé

⇒  Lançar o site.

Só lembrando para seu site ficar no ar você terá que lançar o site, pois ele fica no modo em breve.

Depois de lançado no ar está aqui meu blog funcionando.

site publicado

 

Fazer login no seu site

Depois de sua conta criada, basta acessar o site WordPress.com e no menu escolher a opção fazer login, basta inserir seu e-mail e senha.

Os mesmos da criação da sua conta.

 

Como instalar o WordPress.org?

O WordPress.org pode ser instalado de duas maneiras: instalação automática via servidor ou então manualmente.

Como o meu intuito é te passar a forma mais simples e fácil, vou te mostrar a forma automática que dispensa muita explicação.

Só lembrando que cada tipo de hospedagem tem a sua forma de instalação.

Só recapitulando o que já foi dito para poder instalar o WordPress.org, você já deve ter o domínio e a hospedagens comprada.

Vou usar o meu servidor de hospedagens nesse exemplo.

Passo 1

Acesse o seu cPanel, essas informações serão enviadas para o seu e-mail na hora da contratação do seu plano de hospedagem.

cpanel

 

Passo 2

Dentro do seu cPanel vá até a opção Softaculous Apps Installer e escolha o WordPress, aqui ele aparece na primeira opção.

instalação do wordpress

 

Passo 3

Clique na opção instale agora.

instalando o wordpress

 

Passo 4

Em configuração escolha o tipo https//, escolha a versão mais recente do WordPress, por padrão já vem marcando a última versão, mas não custa nada conferir e ver se está tudo ok.

configurações da instalação

Na opção configurações do site você pode definir o nome do seu site, a descrição, o nome de usuário, senha e e-mail do administrador do seu site.

configurações do site

No idioma você pode definir o seu idioma favorito.

E na opção de temas você define o seu tema, ou pode pular essa opção, eu recomendo pular pois você pode definir seu tema posteriormente.

Feito todas as configurações basta clicar em instalar, o processo é super rápido e leva em torno de três minutos.

Para fazer login no seu site basta inserir o endereço do seu site + wp-admin e fazer o login

Veja o exemplo

https://www.meusite.com/wp-admin

Irá abrir essa janela, basta inserir seus dados de acesso, os mesmos que você criou na hora da instalação do seu WordPress.

login no wordpress

 

Vale a pena migrar para o WordPress?

Se você está usando outro sistema de gerenciamento de conteúdo, talvez você esteja em dúvida agora se realmente vale a pena fazer a migração para o WordPress?

Vou deixar claro que existem vários sistemas de gerenciamento de conteúdo, sejam eles gratuitos ou pagos.

Mas muito dificilmente, algum deles será superior ao WordPress.

Listo 3 motivos essenciais para que você migre seu site para o maio CMS do mundo!

Veja a seguir.

 

1 – Controle completo

Tudo o que você precisa para um site, seja em questão de layout quanto suporte, está tudo incluído no WordPress.

A plataforma é a mais completa, disponibilizando muitas soluções para qualquer tipo de operação digital.

Em outras palavras, se você busca controle total, então o WordPress é para você.

 

2 – Segurança avançada

Eu digo que esse é o motivo principal para você migrar para cá, pelo seu alto nível de segurança.

As constantes atualizações, além de diversos plugins facilitam e muito para você ter um site muito mais seguro.

Por esse motivo, grandes players do mercado mundial confiam tanto nessa plataforma.

Pode ter certeza que ninguém confiaria seus dados sigilosos em uma plataforma frágil com vulnerabilidade.

 

3 – Usabilidade e interface

Muitas ferramentas até podem ter soluções ótimas, mas acabam pecando na hora de oferecer uma boa experiência para o usuário.

Com o WordPress você não precisa se preocupar com esse problema.

A plataforma fica muito mais fácil de usar a cada atualização, ficando muito mais amigável para o usuário.

 

Qual hospedagem escolher?

Como já mencionei aqui, para poder usar a versão do WordPress.org você deve contratar um domínio e uma hospedagem.

Porém, quero deixar claro uma coisa, mesmo com todas as vantagens que listei até aqui, se o seu servidor de hospedagem não tiver uma qualidade boa, todo esse potencial do WordPress pode ser desperdiçado.

Então, para escolher a hospedagem ideal leve em consideração alguns pontos?

Qual é a sua necessidade atual: você já tem muito tráfego, subdomínios, contas de e-mails?

Custo-benefício: Faça o cálculo do quanto você irá pagar, mas lembre-se de analisar, se ela é confiável, se não fica fora do ar.

Facilidade de escalar seu negócio: se você já tem um planejamento de crescimento do seu negócio no futuro? A hospedagem tem condições de te dar suporte se isso ocorrer. Isso é um fator essencial na hora da escolha.

Porém, eu recomendo a hospedagem da Hostgator aqui no Viva do seu blog, por ser uma hospedagem com um custo benéfico bem atrativo, além da sua confiabilidade.

 

Quais são os plugins essenciais?

Como já mencionei, os plugins são extensões que agregam funcionalidades ao site, melhorando a experiência do usuário.

Hoje existem mais de 60 mil plugins, das mais diversas opções e necessidades.

Mas porém, existem alguns que são essenciais, por isso, escrevi um artigo aqui no blog com essa lista.

Clique aqui para ver a lista que eu uso aqui no blog.

 

Temas

Assim como os plugins, o WordPress também disponibiliza milhares de temas para você usar.

Tudo vai depender da sua estratégia, e o tipo de negócio em si.

Muitos temas gratuitos possuem ótimas personalizações, além disso, também existem os temas premium, que são templates mais robustos de personalizações.

Porém, como o meu intuito é te ajudar eu separei aqui uma lista com os melhores temas focados em conversões se esse for o seu caso.

Agora, me diz aqui nos comentários qual das versões do WordPress você está usando ou vai usar?

 

 

E-book Grátis!

E-book Grátis!

Como Criar Seu Negócio Online do Zero.

Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Josiel Santos
Josiel Santos

Fundador de vários projetos online, essa plataforma foi criada para ajudá-lo a criar seu blog, facilitando o crescimento do seu negócio online.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.